Final Das Regiões Mx 2022 - A Caminha Da PentaControl Rumo Ao 5º Título

Final Das Regiões Mx 2022 - A Caminha Da PentaControl Rumo Ao 5º Título

Três anos depois da última edição, a Final Das Regiões Mx regressou às pistas no passado dia 6 de...

Resultados Final Regiões 2022 - S. Miguel (Açores)

Resultados Final Regiões 2022 - S. Miguel (Açores)

Está de regresso a tradicional Final das Regiões, a prova de final de ano que junta 4 pilotos de...

Final Das Regiões Mx 2022 - Equipa Da PentaControl Pronta Para Lutar Pela Vitória

Final Das Regiões Mx 2022 - Equipa Da PentaControl Pronta Para Lutar Pela Vitória

Será já no próximo fim de semana que se vai realizar a 10ª edição da Final das Regiões, um evento...

Reportagem Tarouca 2 – David Fernandes Ruma Do Sul Do País Para A Vitória Nos Hobby

Reportagem Tarouca 2 – David Fernandes Ruma Do Sul Do País Para A Vitória Nos Hobby

Foi num espaço de pequeno muito curto que o Complexo Motorizado Agostinho Cardoso “Makito”,...

Reportagem Tarouca 2 – Márcio Ferreira Termina Época Com Nova Vitória Nas Pitbikes

Reportagem Tarouca 2 – Márcio Ferreira Termina Época Com Nova Vitória Nas Pitbikes

O feriado de 5 de Outubro viu o Complexo Motorizado Agostinho Cardoso “Makito”, localizado em...

  • Final Das Regiões Mx 2022 - A Caminha Da PentaControl Rumo Ao 5º Título

    Final Das Regiões Mx 2022 - A Caminha Da PentaControl Rumo Ao 5º Título

    16-11-2022
  • Resultados Final Regiões 2022 - S. Miguel (Açores)

    Resultados Final Regiões 2022 - S. Miguel (Açores)

    05-11-2022
  • Final Das Regiões Mx 2022 - Equipa Da PentaControl Pronta Para Lutar Pela Vitória

    Final Das Regiões Mx 2022 - Equipa Da PentaControl Pronta Para Lutar Pela Vitória

    01-11-2022
  • Reportagem Tarouca 2 – David Fernandes Ruma Do Sul Do País Para A Vitória Nos Hobby

    Reportagem Tarouca 2 – David Fernandes Ruma Do Sul Do País Para A Vitória Nos Hobby

    01-11-2022
  • Reportagem Tarouca 2 – Márcio Ferreira Termina Época Com Nova Vitória Nas Pitbikes

    Reportagem Tarouca 2 – Márcio Ferreira Termina Época Com Nova Vitória Nas Pitbikes

    01-11-2022
penta control.png

Apoios



















Próxima Prova

Event Title... 01.01.2023 08:00 35 Dias

INFORMAÇÃO

Final Das Regiões Mx 2022 - A Caminha Da PentaControl Rumo Ao 5º Título

Três anos depois da última edição, a Final Das Regiões Mx regressou às pistas no passado dia 6 de Novembro numa visita muito aguardada à Ilha de S. Miguel nos Açores, mais concretamente à Pista Soluções M. Este evento representava a décima primeira corrida que junta pilotos dos cinco Campeonatos e Troféus Regionais realizados sob a égide da FMP e a PentaControl, impulsionadora desta prova desde o seu início, fazia a viagem com a esperança de amealhar aquela que seria a quinta vitória da história.

acores1 2022-apresentacao

Com um cartaz recheado de muita qualidade que fazia antever uma das edições mais equilibradas de sempre, o evento começou ainda durante a tarde de sábado com os pilotos a realizarem as verificações técnicas às motas, procedendo-se de seguida à apresentação de cada uma das equipas. Sob a “batuta” do Team Manager Paulo Silva e composta por Pedro Rino, Firmino Salazar, Guilherme Esteves e José Iglésias, a equipa da PentaControl foi a segunda a ser apresentada a todos os presentes. Logo nesse momento, pela boca do nosso “capitão” Firmino Salazar (dos quatro o mais antigo a participar no nosso Campeonato), o mote da equipa foi dado com as palavras “Estamos aqui para vencer”.

acores1 2022-28

Chegados ao dia de domingo, que prometia ser agitado, era o momento de os pilotos se concentrarem, ficarem a conhecer bem a pista e, essencialmente, controlarem o esforço face às várias sessões de treinos e corridas que teriam de enfrentar. Naquela que é a sessão de treinos mais importante, a cronometrada, foi possível logo ver quem estava em melhor posição de lutar pela vitória. Mostrando que os resultados obtidos no continente não foram por acaso, Pedro Rino era o mais rápido da equipa ao ocupar o terceiro posto em termos gerais, segundo das seleções, o que lhe dava assim direito a escolher um bom lugar na grelha de partida. Relativamente aos restantes enquanto José Iglésias melhorava consideravelmente o seu resultado face à sessão livre sendo o quinto mais rápido em termos globais, Firmino Salazar e Guilherme Esteves lutavam por entrar no top 10, algo que ficou perto de acontecer ao serem décimo segundo e décimo quarto respetivamente. De notar que falamos por vezes em termos globais porque, para além dos pilotos das seleções, existiam outros pilotos a participarem de forma individual.

acores1 2022-88

Com a ordem de entrada para a grelha de partida definida, chegava o momento de dar início às principais hostilidades, a primeira de três mangas de corrida. Assim que a grelha de partida caiu foram grandes as lutas na tentativa de chegar à frente na primeira curva evitando assim eventuais quedas coletivas. Da parte da PentaControl o início era promissor com Pedro Rino, José Iglésias e Firmino Salazar a surgirem no top 10, ao passo que Guilherme Esteves lutava por subir na tabela. Infelizmente logo na segunda volta o azar bateu à porta de Iglésias que teve um toque com outro piloto originando uma queda que o deixava bastante atrasado no pelotão. Na frente da corrida Rino foi mantendo os líderes debaixo de olho durante grande parte da corrida, mas à medida que o tempo se esgotava optou por controlar o esforço e assim garantir importantes pontos em termos pessoais e coletivos, terminando no lugar intermédio do pódio. Quanto a Firmino Salazar, detentor de uma regularidade impressionante, viria a concluir esta manga em décimo lugar (nono entre as regiões) após andar sempre próximo dos pilotos que seguiam nos lugares acima embora sem conseguir atacar os mesmos. Quem conseguia terminar à frente de Salazar era Iglésias que, depois do desaire inicial, colocou toda a sua rapidez em pista recuperando tempo e posições volta após volta para concluir em novo em termos gerais. Mais difícil acabou por ser a tarefa de Guilherme Esteves, embora o mau arranque não tenha sido impeditivo para o mais jovem da equipa lutar até final, chegando a rodar em décimo, acabou por cometer pequenos erros que o fizeram baixar até décimo terceiro. No final desta primeira manga, em termos coletivos, o equilíbrio era a nota dominante com as três primeiras equipas separadas por apenas um ponto, situando-se a PentaControl no lugar intermédio do pódio.

acores1 2022-396

O início da segunda manga voltaria a ser um pouco agridoce para a equipa da PentaControl pois se Pedro Rino e José Iglésias saiam muito bem da grelha, entre os primeiros, o mesmo já não acontecia com Firmino Salazar e Guilherme Esteves pois ambos viram-se envolvidos numa queda coletiva logo na primeira curva. Começando pelos primeiros, assim que foi dada ordem de partida Iglésias e Rino colocaram-se nos lugares do pódio, em segundo e terceiro respetivamente, de onde não mais seriam desalojados realizando uma corrida em conjunto e mantendo sempre o líder da prova bastante próximo e preparados para aproveitar qualquer deslize. Bem diferente foi a história da corrida de Salazar pois depois da queda inicial e de sair nos últimos da primeira curva nunca baixou os braços ao seu estilo inconfundível e foi recuperando lugares volta atrás de volta até se ter alojado em nono a meio da corrida, posto de onde não mais iria sair até final apesar da proximidade do restante pelotão em prova. Quanto a Esteves voltava a ter altos e baixos ao longo de tempo da prova ao rodar sempre envolvido em variadas lutas com pilotos das outras regiões acabando por não ir além da décima terceira posição. Feitas as contas ao final desta segunda manga, e apesar dos contratempos sentidos, a PentaControl passava a liderar a tabela coletiva e deixava tudo em aberto para a terceira e última manga do dia.

acores1 2022-257

Antes do início da corrida que ditaria todos os resultados, o Team Manager Paulo Silva reunia a equipa e transmitia aquilo que era necessário para garantir a vitória final, uma prestação igual à da manga anterior de Pedro Rino e José Iglésias e um top 10 para Firmino Salazar e Guilherme Esteves. No entanto as notícias não eram as melhores pois derivado da queda sofrida anteriormente Salazar apresentava bastantes dores e dificuldades para movimentar o cotovelo, mas não baixava os braços e afirmava que iria dar o seu melhor. Com o cair da grelha as instruções do Team Manager começavam a dar efeito e três dos pilotos surgiam no top 6. Uma vez mais Iglésias e Rino surgiam entre os primeiros, com o piloto da Kawasaki a rodar em segundo e o da KTM em quarto apenas intermediados por um dos elementos do Mx Ribatejo. Já Salazar transformava as lágrimas em força e fazia a sua melhor prestação ao surgir na sexta posição, cabendo a Esteves a inglória tarefa de tentar subir na tabela depois de um mau arranque. À medida que o tempo se ia esgotando tudo se encaminhava para a vitória final com os pilotos da frente a manterem a sua prestação e Esteves a subir na tabela, contudo tudo podia ter mudado sensivelmente a meio da corrida quando José Iglésias sofria um furo na sua moto o que dificultava bastante a condução num circuito cada vez mais degradado e que fazia assim perder bastantes posições. Uma volta mais tarde tudo voltava a mudar já que o líder Daniel Pinto, do Troféu Norte, também começava a sentir problemas na sua moto e ia caindo na classificação geral. Com isto a preocupação e a incerteza aumentavam quanto ao desfecho final com as três principais equipas, PentaControl, Troféu Norte e Mx Ribatejo a lutarem ao ponto pela vitória. Com tudo isto a acontecer na frente da corrida passava a ser um piloto do Mx Ribatejo a liderar com Pedro Rino a surgir no segundo posto de onde não mais seria desalojado até ao final e deixando no ar que poderia ter chegado mais adiante. Com as peripécias relatadas anteriormente quem passava a ser o segundo melhor da PentaControl era Firmino Salazar que vinha num extraordinário quarto posto em que terminaria apesar da forte pressão exercida pelos adversários na fase final da corrida, ao passo que Guilherme Esteves também se esmerava para ser o nono colocado, o melhor resultado do dia, levando a melhor sobre um grupo de pilotos com quem rodou grande parte do tempo e contribuindo assim de forma decisiva para o cômputo geral. Apesar do azar sofrido José Iglésias não desistiu procurando ainda ir buscar mais alguns pontos para equipa, tendo de se contentar com o décimo sexto posto.

acores1 2022-podio

Concluídas as três mangas do dia era a hora de fazer as contas totais, num dia de muito espetáculo e incerteza que durou até ao final. Em termos coletivos ficou uma vez mais provado que a prestação individual não é o mais importante, mas sim a regularidade de todos os seus pilotos. Graças a isso a PentaControl conseguiu obter o tão desejado triunfo, o quinto em onze edições até hoje realizadas, deixando a concorrência ainda mais distante. Na luta pelos restantes lugares a equipa do Mx Ribatejo terminou em segunda com uma desvantagem de quatro pontos face à vencedora e o Troféu Norte foi terceiro a nove pontos. Nos postos seguintes ficaram as equipas dos Açores e da Madeira. Em termos individuais a regularidade mostrou ser o mais importante e graças a três excelentes mangas Pedro Rino conseguiu trazer o troféu para o seu palmarés, deixando atrás de si o veterano Ricardo Aires e Daniel Pinto.

 

Em jeito de conclusão a PentaControl gostaria de dar os parabéns ao Rosinhas V. Clube e a todo o seu staff pelo excelente evento que organizaram, numa logística sempre complicada de montar mas que foi concluída com todo o sucesso. Aos pilotos que representaram a PentaControl e os seus acompanhantes, o nosso MUITO OBRIGADO pelo esforço, pelo espírito de entre ajuda, mas principalmente pelo convívio entre todos que é, no nosso entender, o objetivo último deste evento. Por fim endereçar os parabéns a todas as outras equipas e pilotos pelo excelente espetáculo proporcionado, em particular para Daniel Pinto, Francisco Salgado, Pedro Pacheco, Fábio Mendes e André Duarte pois apesar de neste evento não estarem a representar a PentaControl também fizeram parte do nosso Campeonato.

 

Terminado o ano de 2022 resta agora trabalhar para 2023 e caberá à PentaControl acolher a décima segunda edição da Final Das Regiões Mx. Tudo começa já a ser preparado pelo que esperamos que venha a ser mais uma grande promoção deste espetáculo que é o Mx.

 

Texto: Bikerz Press

Fotos: Rúben Policarpo Photography / Bikerz Photo