Resultados Nacional Sx 2018 - Lustosa

Resultados Nacional Sx 2018 - Lustosa

O dia 18 de Agosto marca o fim do Campeonato Nacional Sx de 2018, e a localidade de Lustosa será...

Resultados Regional PentaControl Mx / Nacional Infantis A - S. João Loure

Resultados Regional PentaControl Mx / Nacional Infantis A - S. João Loure

Já lá vão 28 anos desde que uma prova federada de Mx visitou a localidade de S. João de Loure,...

Horários S. João Loure - Regional PentaControl Mx + Nacional Infantis A Mx

Horários S. João Loure - Regional PentaControl Mx + Nacional Infantis A Mx

Foram precisos 28 anos para que S. João de Loure, próximo de Aveiro, voltasse a viver as...

Resultados Regional Mx Ribatejo 2018 - Glória Do Ribatejo

Resultados Regional Mx Ribatejo 2018 - Glória Do Ribatejo

Mês e meio volvido e o Campeonato Regional Mx Ribatejo está de regresso às pistas já este fim...

Resultados Nacional Mx 2018 - Carrazeda De Ansiães

Resultados Nacional Mx 2018 - Carrazeda De Ansiães

Eis que o Campeonato Nacional de Mx está de regresso a terras transmontanas e a uma localidade...

  • Resultados Nacional Sx 2018 - Lustosa

    Resultados Nacional Sx 2018 - Lustosa

    sábado, 18 agosto 2018 00:00
  • Resultados Regional PentaControl Mx / Nacional Infantis A - S. João Loure

    Resultados Regional PentaControl Mx / Nacional Infantis A - S. João Loure

    sábado, 14 julho 2018 08:00
  • Horários S. João Loure - Regional PentaControl Mx + Nacional Infantis A Mx

    Horários S. João Loure - Regional PentaControl Mx + Nacional Infantis A Mx

    quinta, 12 julho 2018 00:00
  • Resultados Regional Mx Ribatejo 2018 - Glória Do Ribatejo

    Resultados Regional Mx Ribatejo 2018 - Glória Do Ribatejo

    sábado, 23 junho 2018 07:00
  • Resultados Nacional Mx 2018 - Carrazeda De Ansiães

    Resultados Nacional Mx 2018 - Carrazeda De Ansiães

    domingo, 17 junho 2018 06:00
penta control.png

Apoios


















Próxima Prova

Valpaços 02.09.2018 08:00 11 Dias

INFORMAÇÃO

Reportagem Regional PentaControl Promoção Mx Lustosa 2018 - Filipe Souto Regressa Às Origens No Lugar Mais Alto Do Pódio

Apesar do adiamento inevitável da primeira corrida do ano devido ao mau estado do terreno com as chuvas torrenciais que assolavam a localidade de Lustosa nessa data os pilotos não se atemorizaram e responderam em massa à chamada para o tão aguardado início. Trinta pilotos foram até ao Crossódromo da Quinta da Azenha para participar na classe Promoção, um número um pouco superior à média dos anos anteriores o que deixa antever um bom ano de 2018.

 

Muitos nomes desconhecidos foram até Lustosa para esta primeira prova mas do leque presente saltava à vista o de Filipe Souto, piloto que já no passado deu boa conta de si nesta classe e que, passado o período "sabático" regulamentar que o obrigava a participar na classe Elite, regressou às suas origens começando por rubricar a melhor volta nos treinos livres. No entanto havia outros pilotos que não lhe queriam ficar atrás e os treinos cronometrados já trouxeram outras figuras à rivalta como foi o caso de João Moura que fazia a melhor volta ao circuito quase segundo e meio mais veloz que Eduardo Rocha, outro habitué nestas andanças e que, estando num traçado que conhece muito bem, aproveitava para ser dos mais rápidos. Vitor Novais, Pedro Gomes e Filipe Souto completavam a lista dos 5 mais com um ritmo muito equilibrado o que fazia antever uma excelente tarde de corridas.

 

Retemperadas as forças à hora do almoço chegava o momento das tão aguardadas corridas. Assim que baixou a grelha para a primeira manga quem surgia na frente para realizar o holeshot era Óscar Riobo trazendo atrás de si um batalhão de pilotos desejosos de o desalojar da liderança. Esta realmente só durou uma volta pois Filipe Souto queria mostrar que o seu regresso a esta classe tinha um único intuito que era a vitória e ultrapassou o seu oponente podendo dar a entender que a partir desse momento a história do comando estaria escrita. No entanto tal não aconteceu pois, mesmo nunca tendo sido desalojado de primeiro, o piloto da Indice One Racing foi constante acossado pelos oponentes que trazia atrás, nomeadamente Riobo, Gonçalo Sobrosa e Pedro Gomes. As posições foram-se mantendo constantes até que a quatro voltas do final da corrida Sobrosa consegue finalmente ultrapassar Riobo pela vice liderança ao passo que Gomes fazia caminho inverso nas últimas duas voltas ao cometer um erro que o fazia perder muito tempo e posições. Desta maneira a história foi ficando definitivamente desenhada com Souto a ser primeiro, Sobrosa o segundo e Riobo o terceiro. Um pouco mais atrás do quarteto anteriormente referido vinha em recuperação um trio de pilotos que, mesmo não tendo realizado dos melhores arranques, acabaram por sentir algumas dificuldades para acompanhar o andamento dos primeiros. Inicialmente dos três quem surgia melhor era André Guimarães que ia trazendo na sua peugada o piloto mais rápido da manhã, João Moura, que por sua vez também era perseguido por Samuel Coelho que tinha sido o pior dos três na largada. Com o passar do tempo estes pilotos foram ascendendo na tabela até que, a duas voltas do final, Moura ultrapassa Guimarães e aproveita o erro de Pedro Gomes para ascender ao quarto posto relegando desta forma Guimarães para quinto e Coelho, o que mais posições teve de recuperar, em sexto mas sem nunca ter conseguido passar os oponentes apesar das tentativas. Em sentido inverso destes esteve Isaac Rodriguez que não conseguiu capitalizar o arranque realizado dentro dos quatro mais rápidos pois com o passar do tempo os adversários foram passando e o piloto espanhol não conseguiria ir além da sétima posição sem que se pudesse desleixar pois mais rápido que ele vinha igualmente Vitor Novais a fazer uma boa recuperação desde décimo quarto para ser o oitavo nesta manga inaugural. Com o tempo perdido na fase final da corrida Pedro Gomes acabaria por não conseguir melhor que o nono posto, deixando o final do top 10 entregue a Tiago Vilaça, piloto que depois de recuperar vários postos nas primeiras voltas e ganhar uma pequena vantagem para quem o perseguia passou a andar confortavelmente nesta posição desde a quinta volta até que lhe foi mostrada a bandeira de xadrez.

 

No arranque para a segunda manga quem melhor parecia estar para realizar o holeshot era Eduardo Rocha mas um toque na primeira curva com outro piloto abriu a porta a que Óscar Riobo, mais uma vez, conseguisse sair no comando das operações embora muito pressionado por Rui Marques. No entanto o piloto da Kawasaki aguentou o comando e por aí andou a primeira volta para na segunda, em jeito de fotocópia da primeira manga, ser ultrapassado por Filipe Souto e Gonçalo Sobrosa que pressionava logo desde o início. De facto o piloto da moto a dois tempos parecia querer resolver a questão depressa e na quinta volta cumpria o seu objetivo ao passar para o comando, mas com Souto, Riobo e João Moura completamente colados. Estes pilotos foram rodando desta forma durante algumas voltas tal como o jogo do gato e do rato, até que Riobo acabou por vergar e perder algum tempo para os seus oponentes que se foram mantendo próximos entre si embora sem qualquer troca de lugar até que a bandeira de xadrez foi apresentada. Para terem uma ideia, o equilíbrio foi tal que menos de cinco segundos separaram os três primeiro colocados desta segunda manga. Quanto a Riobo este acabou por não conseguir aguentar o ritmo dos três pilotos da frente e, depois de ser ultrapassado, foi perdendo tempo e viu mesmo um quarteto de pilotos se acercar perigosamente da sua posição. De facto, Pedro Gomes, Vitor Novais, André Guimarães e Samuel Coelho, a rolar sempre muito próximos entre si, tudo deram para alcançar quem seguia à frente nunca o chegando a conseguir. Guimarães acabou mesmo por claudicar perante a concorrência nas últimas quatro voltas perdendo algum tempo, ficando assim Gomes com a quinta marca, Novais a sexta, Coelho a sétima e Guimarães a oitava. Após o excelente arranque realizado Rui Marques não teve capacidade para acompanhar os pilotos da frente e foi perdendo lugares com o passar das voltas até que se instalou em nono à quinta passagem pela linha de meta adiante de Horácio Chaves. Qualquer um destes pilotos conseguiu encarar as últimas voltas de forma confortável já que a diferença entre ambos era substancial e não colocava nenhum deles em perigo.

 

Chegado o momento para a última corrida do dia era grande a expetativa pois a incerteza pairava na tabela classficativa com os pilotos a encontrarem-se muito próximos entre si em termos pontuais. Depois do triunfo na manga anterior Gonçalo Sobrosa partia motivado e realizava o holeshot parecendo capaz de deixar os oponentes para trás. De facto este piloto ganhou logo uma pequena margem para os perseguidores, mas quando decorria a segunda volta, perdeu o controlo da sua moto no salto que antecede a reta comum às pistas de Mx/Sx e sofreu uma queda. No entanto Sobrosa não desistiu e depressa se colocou de pé tentando reatar a prova, contudo, poucos metros volvidos, foi obrigado a parar ficando estendido no chão a ser assistido pela equipa médica presente no local acabando mesmo por ter de ser transferido para o hospital para realizar uma avaliação à lesão. Quem mais lucrou com esta situação foi o piloto mais rápido da manhã, João Moura, que assim ficou com a pista livre à sua frente e liderou a corrida até ao final de uma forma segura e descansada, ganhando aos poucos uma margem que o deixava a salvo de qualquer investida que pudesse existir dos pilotos que o perseguiam. Quem também conseguia sair entre os mais rápidos era o trio seguinte composto por Filipe Souto, Pedro Gomes e Óscar Riobo, sendo Gomes aquele que inicialmente conseguiu andar na vice liderança. No entanto o equilíbrio e os ataques eram tantos que as trocas se foram sucedendo especialmente na guerra do terceiro posto já que a partir da quarta volta Souto superou a concorrência e colocou-se em segundo para nunca mais daí ser desalojado defendendo-se da melhor maneira das tentativas da perseguição. Depois de ser suplantado por Souto, Pedro Gomes passava a ter de se haver com Riobo que tentava repetir os bons desempenhos das mangas anteriores trocando ambos várias vezes de posto até duas voltas do fim, momento em que o piloto da Kawasaki subiu a terceiro e daí não mais saiu até que a bandeira de xadrez foi mostrado, tendo assim o piloto da Suzuki que se contentar com o quarto posto final. Um pouco mais à vontade durante a prova andou André Guimarães ao ser o quinto colocado desde a segunda volta, mantendo sempre a concorrência a uma distância confortável que lhe permitia rolar de forma segura e sem qualquer excesso que pudesse por em perigo a sua prestação. Bem diferente foi a história dos postos seguintes pois Rui Marques, Samuel Coelho, Vitor Novais, Vitor Mendes e inicialmente também Eduardo Rocha trocaram várias vezes de posição ao longo da prova, embora o piloto da Moto Fundador tenha quebrado ainda na quarta volta o que deixava o restante quarteto em amena disputa pelo melhor posto. Mesmo tendo rodado quase sempre em sexto Marques ainda foi utrapassado por dois dos seus oponentes quando nos aproximávamos do final da corrida mas ripostou da melhor forma regressando a esse posto em que terminaria, deixando Samuel Coelho no lugar imediatamente a seguir. Quanto a Novais e a Mendes um atraso das últimas voltas deixou-os irremediavelmente arredados desta contenda acabando por ser Mendes a levar a melhor na oitava marca e Novais em nono, mesmo assim suficiente para relegar Tiago Vilaça para o encerramento do top 10 depois de uma prova realizada em recuperação fruto de um arranque menos conseguido.

 

Depois de concluídas as três espetaculares corridas do dia chegava o momento para se fazer a contabilização final. Neste tipo de provas a consistência e regularidade são muito importantes e essa máxima foi empregada por Filipe Souto ao obter o primeiro lugar do pódio e, desta forma, ocupar igualmente para já o primeiro posto do respetivo Campeonato. No entanto a concorrência mostrou que não irá facilitar e, nos lugares seguintes do pódio, João Moura e Óscar Riobo seriam o segundo e terceiro respetivamente adiante de Gonçalo Sobrosa e Pedro Gomes. Em termos de equipas, Campeonato criado este ano pela primeira vez, a Índice One Racing é a comandante trazendo muito próxima a Irmalex Moto Súcia e cabendo à Live To Ride o terceiro posto.

 

Terminado mais um dia recheado de muitas e boas corridas era o momento de arrumar tudo e começar a preparar o próximo evento que se realizará já no próximo fim de semana em S. João da Pesqueira, uma localidade que acolhe sempre muito bem todos os participantes e que certamente assistirá a mais uma grande prova de Mx. Não perca.

 

                Filipe Souto - 1º Lugar                                    João Moura - 2º Lugar                                      Óscar Riobo - 3º Lugar

lustosa1 2018-promocao 39 1    lustosa1 2018-promocao 55 1    lustosa1 2018-promocao 247 1

            Gonçalo Sobrosa - 4º Lugar                                Pedro Gomes - 5º Lugar                               André Guimarães - 6º Lugar

lustosa1 2018-promocao 192 1    lustosa1 2018-promocao 916 1    lustosa1 2018-promocao 233 1

             Samuel Coelho - 7º Lugar                                  Vitor Novais - 8º Lugar                                    Rui Marques - 9º Lugar

lustosa1 2018-promocao 424 1     lustosa1 2018-promocao 209 1     lustosa1 2018-promocao 7 1

              Tiago Vilaça - 10º Lugar                                Horácio Chaves - 11º Lugar                            Isaac Rodriguez - 12º Lugar                           

lustosa1 2018-promocao 197 1     lustosa1 2018-promocao 117 1     lustosa1 2018-promocao 218 1

              Vitor Mendes - 13º Lugar                                Leonardo Dias - 14º Lugar                             Nuno Santinho - 15º Lugar       

lustosa1 2018-promocao 127 1     lustosa1 2018-promocao 324 1     lustosa1 2018-promocao 994 1

             João Oliveira - 16º Lugar                                  Amaro Silva - 17º Lugar                              Dany Domingues - 18º Lugar   

lustosa1 2018-promocao 774 1     lustosa1 2018-promocao 976 1     lustosa1 2018-promocao 116 1

           Ricardo Pacheco - 19º Lugar                            Eduardo Rocha - 20º Lugar                                João Abreu - 21º Lugar   

lustosa1 2018-promocao 63 1     lustosa1 2018-promocao 111 1     lustosa1 2018-promocao 246 1

           Marco Cerqueira - 22º Lugar                             Rafael Gomes - 23º Lugar                                  Joel Melo - 24º Lugar   

lustosa1 2018-promocao 331 1     lustosa1 2018-promocao 93 1     lustosa1 2018-promocao 91 1

             Filipe Loureiro - 25º Lugar                               Paulo Ricardo - 26º Lugar                                 José Faria - 27º Lugar   

lustosa1 2018-promocao 78 1     lustosa1 2018-promocao 751 1     lustosa1 2018-promocao 210 1

             Micael Bruno - 28º Lugar                               Catarina Branco - 29º Lugar                          Pedro Azevedo - Sem classificação  

lustosa1 2018-promocao 25 1     lustosa1 2018-promocao 348 1     Infelizmente não dispomos de fotos deste piloto